Autor Tópico: [Sega] As palavras dum dos chefões da Sega  (Lida 599 vezes)

Offline SpiderPig

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 0
  • Karma: +0/-0
    • Ver Perfil
    • http://www.webtuga.com
[Sega] As palavras dum dos chefões da Sega
« em: Março 26, 2009, 01:57:04 pm »
[p style=\\"text-align: center;\\"][img border=\\"0\\" alt=\\"\\" style=\\"border-color: black;\\" src=\\"http://fotos.sapo.pt/dccomicsfan/pic/0003pa95\\" /][/p][p style=\\"text-align: center;\\"][/p][p style=\\"text-align: justify;\\"]Masano Maeda, um dos chefões da Sega, falou recentemente com a revista japonesa e teve algumas coisas interessantes para dizer:[/p][p style=\\"text-align: justify;\\"] [/p][div class=\\"ljcut\\" text=\\"Ver mais...\\"]
    [li style=\\"text-align: justify;\\"]O natal de 2008 orbigou a Sega e outras editoras a repensarem o seu modus operandi, que considerou inaceitável;    [li style=\\"text-align: justify;\\"]Há um clima de incerteza, pois as empresas de jogos estão a fazer planos sem grande certezas sobre o crescimento do mercado, mesmo estando em expensão em mercados internacionais, há empresas que estão a perder dinheiro;    [li style=\\"text-align: justify;\\"]Maeda-san não culpa o estado actual da economia pelos resultados financeiros e elogia às filiais americanas e europeias da Sega, pois acredita que tem havido sucesso e bastante lucro nesses mercados;    [li style=\\"text-align: justify;\\"]A grande preocupação de Maeda-san, porém, está no desenvolvimento de jogos para  jogadores não-casuais;    [li style=\\"text-align: justify;\\"]Segundo Maeda-san, para fazer um jogo de acção, RPG para os jogadores não-casuais custa cerca de 30-40 milhões a produzir, mas há um risco, há títulos que vendem bastante bem, mas outros nem por isso, não conseguindo recuperar os custos. Surge daqui um padrão de perdas;    [li style=\\"text-align: justify;\\"]Maeda-san acredita que as empresas devem ter pelo menos um pilar que são os jogos casuais de produção relativamente económica e tradicionalmente com boas vendas, como foi o caso de Mario&Sonic;    [li style=\\"text-align: justify;\\"]A aposta em jogos casuais é fundamental, bem como Maeda-san refere, as empresa nipónicas não podem simplesmente sobreviver à base de vendas locais, têm mesmo de pensar em mercados internacionais;    [li style=\\"text-align: justify;\\"]Porém, os três mercados podem ter reacções completamente diferentes, podendo haver  disparidades nas vendas, por isso Maeda, pensa em criar títulos para  o mercado internacional;     [li style=\\"text-align: justify;\\"]Admite que uma boa parte do seu staff está interessado em produzir títulos inspirados em cultura, música e gostos ocidentais, sem que muitos, diz Maeda-san, tenham sequer visitado Nova Iorque, tem a capacidade de fazer a pesquisa necessária;    [li style=\\"text-align: justify;\\"]Maeda-san também quer que Toshihiro Nagoshi faça pela Sega o que Hideo Kojima fez pela Konami com o seu franchise Metal Gear Solid, ou seja criar um jogo apelativo para o mercado internacional, também confia em Shinji Mikami  e Hideki Kamiya da Platinum Games;[/list][p style=\\"text-align: justify;\\"] [/p]

    Fonte:
    SegaPT
     [span style=\"background: #71b308; color: #fff; margin: 0 auto; -moz-border-radius: 5px; -webkit-border-radius: 5px; padding: 4px;\"]SpiderPig - I can fly![/span]

     

    Sitemap 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49